28 de dez de 2012

'Salve Jorge' traz moda da Turquia para o Brasil

Parte da Turquia está no mesmo continente das principais capitais da moda mundial, Milão e Paris, mas sua produção têxtil tradicional está longe dos holofotes das passarelas. Ou melhor, estava. Graças à novela Salve Jorge, que estreia na rede Globo, as referências da moda turca prometem ser tendência nas próximas estações, pelo menos no Brasil. A moda turca ligada às tradições bizantinas e islâmicas tem como características principais os tecidos naturais, a modelagem ampla e reta e, principalmente, os bordados e as estampas.

Bordados e estampas são as principais características da moda turca
Textura

“Os bordados e as estampas são fortes características na moda turca”, afirma Gabí F. Souzä, consultora de imagem da Boucle. As duas técnicas reproduzem o desenho e as formas usadas na tapeçaria artesanal, que é uma prática tradicional da Turquia. “Os tecidos são trabalhados com ornamentos como brocados [relevos com fios dourados e prateados], bordados com fios grossos e estampas de cores de minérios da região”, diz Luciana Parisi, consultora do SENAC Moda e Informação. “O tecido é mais trabalhado do que a própria modelagem e essa característica pode exercer forte influência na moda do Brasil”, continua a consultora.

As estampas turcas não são contrastantes como as indianas, por exemplo. “A cartela de cores é bastante azulada. Mas nas estampas, a cor aparece sem grandes contrastes”, diz Gabí Souzä. “Aliás, todas as estampas têm pouco contraste. Como as estampas são criadas com variações do mesmo tom, fica difícil identificar ‘linhas’ que permitem entender o desenho”, afirma a consultora de imagem. A beleza dos desenhos é caracterizada pela geometria. “Os elementos do desenho são de grande riqueza visual, encantam o olhar”, afirma Luciana Parisi, consultora de moda.

Modelagem
O islamismo é a religião predominante na Turquia. As mulheres muçulmanas – que seguem as doutrinas do islã – vivem com o corpo e a cabeça cobertas (na Turquia o uso do véu é opcional, exceto nas mesquitas). Portanto, “a modelagem da roupa turca é ampla”, afirma Lorenzo Merlino, estilista e...


Matéria completa












21 de dez de 2012

Fashion Hindu: a tendência das roupas indianas


A Índia é um dos países mais bonitos do mundo, seja em cultura, arquitetura e também na moda. Lá se valoriza bastante a tradição, usando roupas totalmente diferentes das que somos acostumados a usar. Muitas coleções de estilistas consagrados, são inspiradas na cultura indiana, exibindo peças deslumbrantes e que logo tornam-se um ponto alto da estação que são apresentadas. Há pouco tempo, a Rede Globo transmitiu a novela “Caminho das Índias”, que explorava ao máximo as influências do país. Após isso, várias roupas características começaram a ganhar espaço nas araras de lojas de todo o Brasil.

Se você acha bonito o estilo das roupas indianas, mas não sabe como usá-las ou combiná-las com outras peças, não se preocupe! Preparamos algumas dicas que podem te ajudar a montar um look bem legal e digno de elogios.


Confira

  • Para montar um look indiano, os tecidos tem sempre que ser coloridos e super alegres. Caso seja loira, aposte em cores como o verde e azul piscina. Se for morena, as cores adequadas são as mais quentes, como o vermelho, amarelo e o laranja.
  • Nos dias mais quentes, típicos do verão, opte pelas peças de caimento leve e tecidos fluidos. Eles ajudam a amenizar o calor, além de serem extremamente confortáveis.
  • Nos dias mais frios, prefira os tecidos mais pesados e que esquentem. Você pode até misturar as peças de estampas indianas...




16 de dez de 2012

Uma roupa que vira mil: o versátil vira-vira da saia indiana - parte 2 ( B )

Continuação do nosso passo a passo sobre a saia indiana...

O sétimo modelo é o decote volumoso: Coloque a peça como saia, transpassando-a na cintura. Deixe a abertura virada para trás. Levante o tecido de cima e amarre as pontas nas costas.

O oitavo modelo é o estilo grego: Vista a peça como saia. Transpasse-a e deixe a abertura na lateral. Levante o tecido de cima, dobre a ponta para dentro e leve a parte da frente em direção ao ombro do mesmo lado da abertura da saia. Una a parte de frente e a de trás nas costas com um nó.

O nono modelo é frente única: Transpasse a saia na cintura, amarre o cós e deixe a abertura virada para a frente. Levante o tecido com as pontas para cima. Enrole cada lado e dê um nó.

Matéria completa

8 de dez de 2012

Uma roupa que vira mil: o versátil vira-vira da saia indiana

Faça você mesma!

Muito simples e fácil de fazer. Utilize algodão, musselina ou seda porque são resistentes às amarrações e não escorregam na hora de prender. São dois tecidos em estampas diferentes ou um liso e outro estampado. Esta saia permite muitas criações num vira-vira de amarrações.

O primeiro modelo é como saia mesmo: Só amarrar na cintura (fica transpassada) e deixar a abertura na lateral ou nas costas.

O segundo modelo é de um ombro só: Posicione o cós da peça na diagonal e coloque-a no busto, passando a faixa de amarrar pelas costas. A parte que passa por debaixo do braço deve fazer a volta pelo corpo e a faixa deve se unir nas costas com a outra parte. Amarre com...





1 de dez de 2012

Mitos e verdades do curvex: aprenda a usar o acessório queridinho dos maquiadores

Curvar os cílios dá acabamento à maquiagem e deixa o olhar mais aberto e bonito
Quem vê este acessório pela primeira vez muitas vezes fica com o pé atrás. Com aparência que lembra uma tesoura ou uma pinça médica, o curvador de cílios (ou curvex, como é conhecido) pode não ser bonito, mas é o queridinho dos maquiadores e amantes de make. Isso porque, como afirma Duda Molinos, “não existe máscara para cílios que substitua seu efeito”: ele é capaz de curvar bastante os fios e abrir o olhar.

Apesar do gosto pelo curvex ser unânime, ele ainda enfrenta certa dúvida das consumidoras de maquiagem. Afinal, são muitos os mitos que o rodeiam: curvex belisca, quebra os cílios, arranca os pelos... Será? Conversamos com maquiadores sobre os mitos e verdades do curvador e pedimos dicas de como usar melhor o acessório. Siga os conselhos deles e conquiste cílios mais curvados no próximo make.
O curvex, ou curvador de cílios, é o acessório queridinho dos maquiadores. Indispensável para deixar a maquiagem mais bem finalizada, ele dá destaque aos olhos e rejuvenesce.


MITOS E VERDADES DO CURVEX

Ele sempre belisca a pele?
Se você nunca usou o acessório, é preciso cuidado. “Quando não se tem prática, é normal às vezes o curvex beliscar a pálpebra”, explica Rosman Braz, maquiador do salão 1838. Isso pode acontecer ao apertar o aparelho além da raiz dos pelos ou ao escolher um modelo que não é compatível com seu formato de olho. “Na maioria das vezes, o modelo do curvador é universal. Mas alguns abrem mais ou menos, então é uma questão de adaptação”, diz Rosman. Por isso, vá devagar no começo.

Ele quebra ou arranca os cílios?
Se ele é usado da maneira correta, não. “O certo é...

Matéria completa